top of page

Como o uso da chupeta interfere na dentição de bebês e crianças?



O uso da chupeta pode afetar negativamente a dentição de bebês e crianças, especialmente se a chupeta for utilizada com frequência e por longos períodos.


Além disso, as crianças que chupam chupetas, normalmente, são amamentadas com menos frequência, o que pode comprometer a produção de leite e o desenvolvimento da dentição da criança, segundo o Ministério da Saúde.


Neste artigo, você verá quais os problemas esse hábito pode causar e como agir para evitar danos na saúde bucal das crianças. Acompanhe!


Afinal, o uso da chupeta interfere na dentição?


A chupeta pode trazer um conforto para as crianças, já que o seu formato lembra o momento da amamentação.


No entanto, o problema acontece quando o seu uso é constante e prolongado, principalmente quando os primeiros dentes começam a aparecer.


Sabendo disso, a resposta é que o uso de chupeta frequentemente pode, sim, interferir no posicionamento dos dentes de bebês e crianças em desenvolvimento.


Isso pode causar problemas na formação da arcada dentária, como:


· a mordida aberta;

· projeção dos dentes para a frente;

· posição dos dentes;

· e até mesmo no crescimento da mandíbula.


O ato de sugar o bico também pode gerar alterações na respiração, alimentação e na posição dos lábios e língua, afetando a fala e a deglutição.


Tais problemas, possivelmente, só poderão ser corrigidos por meio do uso de aparelhos dentários ou até mesmo cirurgia.


Qual o momento ideal de interromper o uso da chupeta?


O momento ideal para interromper o uso da chupeta pode variar dependendo da criança e da situação específica, mas, em geral, quanto antes o objeto for retirado da vida da criança, melhor.


Recomenda-se que os pais comecem quando a criança atinge entre 6 e 12 meses, já que nesse período ainda não desenvolveu um vínculo forte com ela e a adaptação pode ser mais fácil.


No entanto, se a criança já possui mais de um ano, é possível considerar estratégias para diminuir gradualmente o uso da chupeta, como restringir o uso a determinados momentos do dia.


Quando é preciso levar a criança que faz uso da chupeta ao dentista?


O recomendado é que as crianças façam a sua primeira consulta odontológica entre os 6 e 12 meses ou após o nascimento do primeiro dente.


Essa visita deve ser feita regularmente para que o odontopediatra verifique o desenvolvimento da dentição e detecte possíveis problemas precocemente.


Para as crianças que utilizam a chupeta regularmente, é recomendável que os pais conversem com o dentista sobre o assunto e sigam as orientações do profissional em relação à frequência das consultas.


Ele poderá avaliar a dentição e orientar sobre como minimizar os possíveis danos causados.


A prevenção é sempre o melhor caminho


A melhor forma de prevenção para possíveis problemas na saúde bucal dos bebês e crianças, garantindo um sorriso bonito e saudável, é realizando o acompanhamento durante o desenvolvimento da criança com o profissional especializado.


O responsável pela odontologia infantil é o odontopediatra, que tem o cuidado com cada detalhe, desde orientações sobre higiene bucal, consultas de rotina ou até mesmo informar para os pais e para a criança sobre o uso da chupeta.


Se você deseja realizar uma avaliação e conhecer a nossa equipe de especialistas em odontologia infantil, entre em contato conosco.



Comments


bottom of page